quarta-feira, 26 de agosto de 2015

Sobre as despedidas no Brasil

Começaram de fato na quinta feira com a chegada dos primos de Braço do Norte. O lindo fez um jantar delicioso a base de bacalhau e de sobremesa, bananas flambadas com sorvete. Na sexta passamos a manha nas compras para o café a tarde com a famíllia e o jantar com os maigos a noite.
A tarde foi agradável com minha mãe, irmã, sobrinhos e tios que vieram de Balneário Camboriú. Na hora de ir embora meus tios começaram a chorar e eu também óbvio. Aí quando mamis foi embora o choro foi grande, não consegui levá-la até o hall, como o elevador tinha pessoas dentro, aproveitei dei mais um tchau e voltei parao o apartamento.
A noite com os amigos correu animada até as 9 hs da manhã do dia seguinte. As 2 hs da manhã houve uma debanda quase que geral. Ficaram apenas duas amigas muito queridas e os amigos de minha filha.
Rimos, choramos, bebemos, comemos. Depois. bebemos, rimos, choramos e nos despedimos.
Subimos para o apartamento eu e minha menina quase 9 hs da manhã. Rosa Maria, já estva com o café servido para as visitas e mais despedidas.
No final, ficamos eu , o lindo, o namorado de minha menina e Rosa Maria.
A tarde, minha menina, providencialmente tirou os homens da casa para que eu e minha nega pudéssemos nos despedir a vontade. Mais choro.
Saimos para jantar os 4, dormimos bem e acordamos cedo, pois o motorista vinha nos buscar as 9 hs da manhã.
Na hora de dizer adeus para minha menina, o choro foi grande. Não conseguia soltar dela, queria ficar só mais um pouquinho naquele abraço, que vai demorar para acontecer de novo. No fim ficamos eu, ela e o lindo abraçados na frente do prédio um chororo danado. Finalmente nos soltamos e partimos. primeiro rumo a Curitiba, depois São Paulo, Munique, Budapeste e finalmente o motorista nos pegou para mais 3 hs de viagem de carro até aqui.
Assim que chegamos o lindo pegou o carro e me levou ao supermercado para fazer compras para o jantar. Só Jesus na causa, o homem viaja 27 hs e ainda tem disposíção para fazer compras e o jantar.
Enfim. esse é o meu marido, sempre disposto a me agradar. De lá para ca´temos feito uma verdadeira orgia de compras, ontem foi o primeiro dia em que saimos e voltamos apenas com uma pequena sacola, ele precisava de pijamas, pois a noite já faz frio por aqui.
Gostei de ver o quanto somos apreciados por todos, mas principalmente fiquei muito feliz por ser uma pessoa tão amada pela minha família e pelos amigos. Obrigado meu povo por tanto carinho !!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário