terça-feira, 7 de janeiro de 2014

O ano novo !!!!!

No dia 31 minha filha chegou com 3 amigos, depois perguntou se podiam vir mais 2 e mais tarde me ligou dizendo :
- Nega, pode vir mais um, ele está sozinho e eu fiquei com pena..
- Pode, mas não convida mais ninguém senão vai faltar comida.
- Tá é o último.
Então tivemos uma noite com a casa cheia de gente e de risos. A meia noite fomos a praia e quase fui levada pelo mar como oferenda, fiquei molhada até a cintura, mas me diverti muito.
Acordei com gente dormindo na sala e graças a Deus ficaram para comer as sobras da ceia.
No dia 2 me deu um pitty, bati boca com o lindo a ponto de os Xuxos saírem para nos dar privacidade para botar os pontos nos  "is" e resolver tudo na mesma hora.
No dia 3 fomos para a Ilha do Francês e tomamos um banho de chuva, daqueles que te lavam a alma.
No sábado tivemos problemas com os pneus da BMW e resolvemos voltar para Joinville durante o dia para evitar possíveis problemas. Depois de levar 4.30 hs para percorrer 172 km, e quando faltavam apenas 18 km para chegar em casa, tivemos que chamar o guincho e um táxi para chegar em casa. O pior é que os pobres bicho estavam presos em suas caixas esse tempo todo afff.
O domingo foi tranquilo e chuvoso pra variar, também tivemos uma temperatura agradável depois de uma semana de um calor infernal.
Ontem Rosa Maria chegou ao trabalho pedindo ajuda para achar um advogado, pois vai se separar do marido e quer fazer tudo direitinho.
Já retornei ao trabalho ontem mesmo e mamis me ligou ao final da tarde.
-Onde tu tá ???
- Trabalhando.
- Ah, preciso falar contigo, mas meu crédito vai acabar.
- Te liguei hj de manhã mas já tinhas saído, estarei em casa depois das 20hs, me ligue então.
- Tá até depois.
Cheguei em casa, jantei e esperei, quase as 22hs liguei para ela.
- Não ias me ligar ??
- é, pois é ( ela fala bem baixinho) é que a gente fica assim meio sem jeito
- o que queres véia ??? ( nós a chamamos assim, é um apelido carinhoso)
- ah eu fiz uma besteira (meu coração acelera pensando em nova dívida com o agiota), mudei de banco para receber minha aposentadoria e a moça disse que vai demorar para eu receber meu dinheiro e a família do Tavinho ( o padre que ela adotou como filho) tá me esperando no Paraná, ele já tá lá, e eles vão para a Argentina e querem que eu vá junto, mas sem dinheiro não dá. Então eu queria emprestado, dessa vez é empréstimo eu te pago em fevereiro.
- Quanto tu queres ???
- Ah, é só pra não ir sem dinheiro.
- Bom, eu também vou viajar semana que vem, e também quero levar um dinheirinho para as compras. Mas quando vais ???
- Na quinta feira a noite, e amanhã estarei em Joinville para o aniversário da Claúdia (minha sobrinha), daí podes levar ali.
- Olha eu vou te dar o dinheiro, não precisa me pagar, mas tens que aprender a me ligar de vez em quando para saber como eu estou e não apenas para me pedir dinheiro (pronto falei)
- Mas eu ligo
- Liga não, só liga para pedir dinheiro. Nunca me ligas para saber como estou e nem vem me visitar, só vais na casa de meus irmãos. Eu também sinto falta da minha mãe e preciso dela, tanto quanto os outros.
- Nem vou tanto na casa deles ( e começa uma longa explicação sobre as visitas a meus irmãos)
- Tá bom véia, mas agora vê se me liga mais, que sou a única que te dou dinheiro e não te xingo, sempre te dou apoio.
- Ah filha mas tu tá sempre boazinha, a gente se encontra e tu sempre tá bem.
- Tô não, também preciso de uma mãe de vez em quando
- Tá vou ligar mais vezes então
- Amanhã ou depois te ligo para combinar de te dar o dinheiro.
- Tá filha Deus te abençoe
Já rindo eu digo;
-Abençoa mais um pouquinho
- Deus te abençoe muito, muito kkkkkkk
-KKKKKK, fique com Deus mãe e até depois.
Então meu ano começou assim, bastante alvoroçado. Gostei de finalmente ter tido a coragem de verbalizar a falta que ela faz em minha vida e espero que ela tome consciência disso e faça algo para mudar. Veremos.


  

Nenhum comentário:

Postar um comentário