sábado, 25 de janeiro de 2014

Semana perigosa !!!!

Foi muito perigosa para meus filhos, graças a Deus todos estão bem.
Enquanto eu e o lindo voltávamos de Cancun, minha filha foi engavetada na ponte de Florianópolis, ainda bem que foi só o carro que sofreu os danos, que diga-se de passagem não foram poucos.
Na quarta feira Ruanito e a namorada foram ao supermercado perto de seu apartamento e na volta foram assaltados (os meliantes estavam armados), levaram os celulares, carteira, cartões, documentos e o que é pior, a tranquilidade dos dois em caminhar pelos arredores. Mais uma vez os danos foram apenas financeiros.
Pedi a minha filha que tomasse muito cuidado porque a semana estava perigosa para eles.
Hoje fomos a Curitiba para comprar novos celulares e adiantar algum dinheiro para poderem se virar até que os novos cartões fiquem prontos.
Rimos agora no final do dia eu e minha filha por conta de que os ladrões foram bonzinhos e não levaram as compras feitas no supermercado, a água e a comida eles deixaram.  E eu não pude deixar de dizer que se fosse com ela não teria problema, pois a quantidade de comida que tem no apartamento dela, sustenta  ela e mais uma família bem grande por pelo menos um mês. Ao que ela prontamente respondeu que segundo as postagens de minha nora, deve ter um estoque razoável de comida por lá também. Mas daí já não sei né, pois na cozinha da nora não se mete o bedelho.

domingo, 12 de janeiro de 2014

Elogios me fazem bem !!!!!

Nestes dias minha filha me chamou atenção por isso, diz que não devo dar tanta atenção. Mas eu dou, e gosto, principalmente quando eles dizem respeito a minha idade e a minha beleza.
Ontem na festa de aniversário de um amigo, o marido de minha amiga mais antiga, olha para nós duas juntas e diz :
- Vocês duas estão muito bem, para a idade que têm, verdade estão mesmo.
Como boas amigas que somos, reviramos as duas os olhinhos de felicidade. E isso me remeteu a fatos ocorridos recente e não tão recentemente assim.
Na semana passada eu estava conversando com uma menina de 13 anos e falei sobre minha filha, aí ela perguntou :
- Tens uma filha?? Que idade ela tem ??
- Sim tenho uma filha e ela vai fazer 30 anos.
- Meu Deus, quantos você tem então????
-Quantos anos você acha que eu tenho ??
- Uns 39 ou 40 anos.
- Eu vou fazer 50 anos.
Não preciso dizer a alegria né .
Outro dia saí com minha filha e sua amiga e ao chegarmos ao lugar onde a amiga era bem conhecida, o dono veio nos receber na porta para dar as boas vindas e foi logo falando:
- ah, vocês trouxeram a irmã junto.
A menina rapidamente respondeu :
- Não, ela é a mãe dela.
Oh glória, ser confundida com irmã da sua filha é o máximo !!!!!
Outra vez em Belo Horizonte uma amiga de minha filha diz quando somos apresentadas :
- Nooossaa como você é bonita.
E gente eu estava de jeans, camiseta, tênis e rabinho de cavalo.
Outra vez fui até a Universidade falar com minha filha e o professor de mestrado me confundiu com uma amiga dela. E ao saber que eu era sua mãe diz :
- Nossa como você é jovem !!!
Ainda outra vez num casamento eu estava na mesa com meu filho e um amigo do noivo quando digo :
- Filho , faz um favor, pega uma água para mim .
O rapaz faz uma cara de espanto e diz :
- Você é mãe dele ??
- Sou sim.
 E sobre esta noite eu gostaria ainda de comentar um elogio que o noivo me fez, mas por respeito a noiva e aos demais envolvidos, este segredo fica entre eu e Rosa Maria, minha fiel escudeira e confidente.
Então é assim, adoro elogios, e os recebo sempre. Elogiam minha comida, meus filhos, minha casa, meu jeito simples de ser, minha inteligência, mas quando recebo elogios relativos a minha idade e a minha beleza eu literalmente deliro !!!!!!!

sábado, 11 de janeiro de 2014

Biagio Antonacci - Non vivo più senza te

Essa música tocava nas rádios italianas na época em que morei lá. Foi trilha sonora de muitas viagens e momentos muito, mas muito felizes mesmo. Não canso de ouvi-la. Resolvi dividí-la com vocês !!!!
E

Sossego é bom !!!

Depois de uma segunda feira corrida, na terça as coisas foram se acalmando. Trabalhei bem pouco, só até quarta feira, a maioria dos pacientes ainda está de férias.
Tive tempo de ir ao cabeleleiro com calma, guardar os enfeites de natal, organizar o escritório, pagar as contas que eu tinha esquecido de pagar porque estavam perdida no caos que reinava ali.
Dormi uma tarde inteira, tão pesado que cheguei a sonhar. Organizei as roupas e comecei a arrumar as malas para a viagem a Cancum na próxima terça feira.
O lindo acordou ontem com o rosto inchado por conta de uma infecção num dente e está tomando remédios fortes para sarar até terça feira.
Estamos desde ontem com o ar ligado por conta do calor que tem feito e só saímos de casa para tomar o café da manhã.
A noite iremos ao aniversário do Xuxo e amanhã pretendemos continuar preguiçando, pois por incrível que pareça , estamos mais descansados agora, que durante os dias de fárias na praia. Com convidados em casa não conseguimos relaxar, então estamos descanasando das férias.
E sossego que reina nesta casa é muito bom !!!!

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Nega Bel !!!!

Nega Bel é Isabel Cristina, minha sobrinha mais querida. Hoje acordei com saudades da nega Bel, que é chamada assim por todos da família pois tem lindos cabelos escuros, numa família onde cabelos loiros e ralos e a pele branca são comuns, ela se destaca por seus lindos cabelos e suas grossas sobrancelhas, que segundo ela são seu maior orgulho.
Desde pequena, ela vinha para minha casa com minha irmã apenas para passar a tarde e se recusava a ir embora, ficava sempre para passar uns dias. Não incomodava, era calma e tranquila e muito companheira. Enquanto os primos e as primas brincavam de casinha e fazer comidinha, ela aprendia com minha irmã a limpar a casa e a cozinhar.
Diferente de mim, minha irmã sempre acreditou que uns bons tapas e safanões não faziam mal algum e não contava tempo em dá-los na nega Bel, até que um dia quando ela tinha uns cinco anos acertou um no rosto, a nega então se revoltou e disse :
- na cara não né mãe, vou contar pra minha tia Edi.
- vai contar pra tua tia ?? pois vão apanhar vocês duas se reclamarem.
Sempre foi minha companheira, quando adolescente vieram morar perto da minha casa e a nega passou a cuidar de mim, pois meus filhos já estavam fora,na faculdade e eu estava muito sofrida por conta de uma crise no casamento. Ela ia a igreja e a oração comigo, ia para Curitiba e sempre me oferecia café quando eu chegava em sua casa. Sempre estava com um sorriso no rosto e um olhar compreensivo.
Passou férias de verão comigo em Floripa e fui a primeira tia a conhecer seu namorado " Giga Gigante". Quando terminou com ele durante um verão, foi correndo passar férias conosco.
Nega Bel cresceu forte e sem frescuras, sempre tirou boas notas e sempre foi muito prestativa.
Enquanto os primos estudavam em colégios particulares, ela estudava em escola pública e passou no vestibular para Contabilidade na primeira tentativa. E enquanto os primos só estudavam, ela já trabalhava para pagar a faculdade.
Minha nega hoje,está passando férias na Europa com seu namorado Giga Gigante. Olho as fotos e agradeço a Deus por minha nega estar feliz e radiante.Tenho muito orgulho de você Nega Bel !!!!



O ano novo !!!!!

No dia 31 minha filha chegou com 3 amigos, depois perguntou se podiam vir mais 2 e mais tarde me ligou dizendo :
- Nega, pode vir mais um, ele está sozinho e eu fiquei com pena..
- Pode, mas não convida mais ninguém senão vai faltar comida.
- Tá é o último.
Então tivemos uma noite com a casa cheia de gente e de risos. A meia noite fomos a praia e quase fui levada pelo mar como oferenda, fiquei molhada até a cintura, mas me diverti muito.
Acordei com gente dormindo na sala e graças a Deus ficaram para comer as sobras da ceia.
No dia 2 me deu um pitty, bati boca com o lindo a ponto de os Xuxos saírem para nos dar privacidade para botar os pontos nos  "is" e resolver tudo na mesma hora.
No dia 3 fomos para a Ilha do Francês e tomamos um banho de chuva, daqueles que te lavam a alma.
No sábado tivemos problemas com os pneus da BMW e resolvemos voltar para Joinville durante o dia para evitar possíveis problemas. Depois de levar 4.30 hs para percorrer 172 km, e quando faltavam apenas 18 km para chegar em casa, tivemos que chamar o guincho e um táxi para chegar em casa. O pior é que os pobres bicho estavam presos em suas caixas esse tempo todo afff.
O domingo foi tranquilo e chuvoso pra variar, também tivemos uma temperatura agradável depois de uma semana de um calor infernal.
Ontem Rosa Maria chegou ao trabalho pedindo ajuda para achar um advogado, pois vai se separar do marido e quer fazer tudo direitinho.
Já retornei ao trabalho ontem mesmo e mamis me ligou ao final da tarde.
-Onde tu tá ???
- Trabalhando.
- Ah, preciso falar contigo, mas meu crédito vai acabar.
- Te liguei hj de manhã mas já tinhas saído, estarei em casa depois das 20hs, me ligue então.
- Tá até depois.
Cheguei em casa, jantei e esperei, quase as 22hs liguei para ela.
- Não ias me ligar ??
- é, pois é ( ela fala bem baixinho) é que a gente fica assim meio sem jeito
- o que queres véia ??? ( nós a chamamos assim, é um apelido carinhoso)
- ah eu fiz uma besteira (meu coração acelera pensando em nova dívida com o agiota), mudei de banco para receber minha aposentadoria e a moça disse que vai demorar para eu receber meu dinheiro e a família do Tavinho ( o padre que ela adotou como filho) tá me esperando no Paraná, ele já tá lá, e eles vão para a Argentina e querem que eu vá junto, mas sem dinheiro não dá. Então eu queria emprestado, dessa vez é empréstimo eu te pago em fevereiro.
- Quanto tu queres ???
- Ah, é só pra não ir sem dinheiro.
- Bom, eu também vou viajar semana que vem, e também quero levar um dinheirinho para as compras. Mas quando vais ???
- Na quinta feira a noite, e amanhã estarei em Joinville para o aniversário da Claúdia (minha sobrinha), daí podes levar ali.
- Olha eu vou te dar o dinheiro, não precisa me pagar, mas tens que aprender a me ligar de vez em quando para saber como eu estou e não apenas para me pedir dinheiro (pronto falei)
- Mas eu ligo
- Liga não, só liga para pedir dinheiro. Nunca me ligas para saber como estou e nem vem me visitar, só vais na casa de meus irmãos. Eu também sinto falta da minha mãe e preciso dela, tanto quanto os outros.
- Nem vou tanto na casa deles ( e começa uma longa explicação sobre as visitas a meus irmãos)
- Tá bom véia, mas agora vê se me liga mais, que sou a única que te dou dinheiro e não te xingo, sempre te dou apoio.
- Ah filha mas tu tá sempre boazinha, a gente se encontra e tu sempre tá bem.
- Tô não, também preciso de uma mãe de vez em quando
- Tá vou ligar mais vezes então
- Amanhã ou depois te ligo para combinar de te dar o dinheiro.
- Tá filha Deus te abençoe
Já rindo eu digo;
-Abençoa mais um pouquinho
- Deus te abençoe muito, muito kkkkkkk
-KKKKKK, fique com Deus mãe e até depois.
Então meu ano começou assim, bastante alvoroçado. Gostei de finalmente ter tido a coragem de verbalizar a falta que ela faz em minha vida e espero que ela tome consciência disso e faça algo para mudar. Veremos.