terça-feira, 3 de dezembro de 2013

O sonho !!!!!

Quando acordei hoje pela manhã, lembrei imediatamente do sonho que estava tendo.
Era assim: estava dentro de um carro com minha família, era um carro pequeno e eu dirigia. Estávamos no subterrâneo de um prédio, subindo para a superfície. As colunas eram fortes e modernas, porém o piso era de chão de terra que não estava muito bem compactada. A subida era muito íngreme e eu estava com medo de subir, na primeira tentativa o carro quase voltou e eu vi um rato passar correndo na frente do carro. Então eu acendi os faróis altos e acelerei fundo. Ao acender os faróis percebi que tinham dois cachorros, pastores policiais adultos dormindo tranquilamente nas laterais dos corredores, sequer acordaram quando passei. Acordei aí.
Acontece que hoje eu e o lindo fazemos 30 anos de casamento, e eu achei esse sonho muito esclarecedor.
Eu dirigia e não era um carro grande e de luxo como dirijo sempre, era  um carro que dava conta de subir. Tive medo e vontade de desistir, mas não o fiz, ao contrário, acendi as luzes e pisei muito fundo no acelerador e consegui. Ao acender as luzes o rato sumiu, isso me remeteu a olhar bem, iluminar bem o que penso que vejo, as vezes não é real. Os cachorros não acordaram e não se mexeram, ficaram ali dormindo tranquilos, pois não havia perigo. Lembrei de meus filhos que quando viajam de carro comigo, viajam tranquilos, sem sustos, muitas vezes dormem. 
Tiro desse sonho a certeza de estar dirigindo nossas vidas, de nos levar para cima, para a superfície. De  vez por outra, ver as coisas na penumbra e de quase acreditar no que penso que vejo. De o medo tomar conta de mim algumas vezes, mas como todos confiaram em mim, acendi as luzes e pisei firme no acelerador, coisa que faço sempre. Não paro, não desisto. É assim também no meu casamento, sempre que as crises acontecem, vejo as colunas fortes e modernas, a subida difícil, mas apesar do medo, não desisto, acendo as luzes, e piso forte no acelerador e o lindo não tem outra opção senão ir comigo. 
Que venham mais trinta anos, cada vez melhores, menos ingrimes e muito mais iluminados e que possamos continuar subindo sempre sem assustar nossos filhos, para que eles possam continuar dormindo quando passo iluminando e acelerando para a superfície.

Nenhum comentário:

Postar um comentário