quarta-feira, 3 de abril de 2013

O que você faz ou deixa de fazer apenas por um filho !!!!!

Então hoje tive um dia horrível. Acordei e chovia torrencialmente, mas como já havia me organizado para passar o dia todo na rua, respirei fundo tomei minha xícara de chá e fui.
Primeiro ao curso de inglês, onde uma colega de sala resolveu ter uma DR a cerca de um comentário infeliz que fiz para ela na segunda feira quando vínhamos para casa a pé. Resolvidas as aparas fui trabalhar.
Passei no café que tem no lobby e pedi um café para tomar na sala, e tudo correu bem até eu sair do estacionamento e estava justamente pensando no quanto eu ando distraida, quando ouvi o barulho e o alarme do carro que eu atropelei ao passar. Chama o dono do carro aviso que vou pagar as despesas e vou.
Fui até o outro lado da cidade para entregar os documentos para declaração de IR do lindo. Feito isso ligo pra ele e vou para o shoping encontrá-lo para almoçar. Estava já sentadinha em frente ao restaurante que sempre comemos quando ele achou a fila muito grande e fomos a outro. Bem nesse esperamos 40 minutos pelo prato que não veio. Atravessamos a praça de alimentação e engolimos eu uma salada Cesar e ele uma massa. Feito isso fui para a casa da minha cunhada entregar o presente de meu afilhado. Abri a porta do passageiro para pegar o pacote e minha bolsa que estava sobre o banco e para variar aberta caiu no chão cheio de água. Gente era muita água, molhou tudo que tinha dentro, pego uma sacola plástica, seco da melhor maneira possível as coisas e espero e toco o interfone 3 vezes e ninguém me atende. Detalhe, a casa estava aberta e o carro do meu cunhado também, então fui ignorada. Coloquei a sacola do jeito que pude no lado interno do portão e fui para casa da minha irmã levar mais presentes e botar as conversas em dia.
Voltei ao trabalho e no caminho passei na lavanderia para deixar algumas roupas para lavar, passar e engomar.
Saí do trabalho fui ao Martelinho de Ouro (no meu caso seria mais eficaz uma marreta devido a quantidade de consertos a serem feitos) fiz orçamento e combinei um dia para levar o meu e o carro do garoto que atropelei. Ainda passei na casa de uma amiga para deixar o dinheiro das entradas de uma festa que vou na semana que vem com minhas amigas, e desmarquei 2 compromissos que tinha para o início da noite.
Cheguei finalmente em casa depois de pegar um trânsito pesadíssimo o dia todo por conta da chuva, e o cachorro estava na porta desesperado por sua voltinha, respirei fundo e fui, pois o pobre não tem culpa do meu dia complicado.
Aí liguei o computador olhei o face, blogs e emails e fui para a cozinha fazer algo para comer.
Descongelei no microondas 3 belos filés, temperei e enquanto eles iam assando na minha frigideira mágica, fiz uma farofa fresca. O primeiro filé ficou pronto e eu já estava beliscando "uns bocadinhos" dele quando decidi que : já que estava o dia todo apenas com uma salada, podia muito bem comer 2 filés sem medo e além do mais, depois de um dia desses eu merecia.
Daí lembrei que talvez meu filho venha mais cedo hoje da faculdade, e ele adora filé, não deu outra fiz uma salada de alface com tomate, peguei uma porção maior de legumes grelhados e deixei um filé para ele.
Gente, eu não estava com o menor peso na conciência de comer os dois, ia comer na boa. Obrigado meu Deus por ter me dado filhos, se não fosse por ele, eu ia comer só para me premiar por um dia horrível. E olha que fiquei muito satisfeita apenas com um filé, salada e legumes. De novo " Jesus me proteja de mim mesma !!!!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário