terça-feira, 16 de abril de 2013

Meu pai caiu no rio !!!!

Literalmente, foi pescar achou um lugar agradável tentou amarrar seu barquinho no lugar de sempre e a correnteza estava muito forte. Levou o barco e ele segurou-se na árvore, o galho quebrou e ele caiu. Não podia deixar o barco ir embora senão ia ficar na água sem colete salva vidas, então nadou com um braço só, subiu no barco remou até conseguir ajuda. Conseguiu chegar em casa, chamou pela neta que pediu socorro aos filhos e foi trazido para Joinville de ambulância. A clavícula estava deslocada e ele fez isso tudo sem dar um grito. Quando cheguei ao hospital estava visivelmente sofrendo muito com a dor, colocaram a clavícula de voltar no lugar sem anestesia. Resolvido o problema, meu papis voltou pra casa sem dor, morto de fome e preocupado com o barco e os molinetes que haviam ficado por lá. Rimos muito depois do susto porque ele não largou o barco e nem os peixes que havia pescado, afinal eram robalos. Obrigado Deus por fazer dessa experiência angustiante, algo que, passado o susto nos fez rir muito.    

Nenhum comentário:

Postar um comentário